Blog Feitosa dos Santos - Prosas & Poemas

busca | avançada
36458 visitas/dia
993 mil/mês
Mais Recentes
>>> ESCOLA PANAMERICANA REALIZA NOVA EDIÇÃO DO ARTESCAMBO
>>> Evento apresenta influência da gastronomia italiana na cultura de São Paulo
>>> Festival Cine Inclusão tem sessão de encerramento dia 23/9 na Unibes Cultural
>>> Exposição de Fábio Magalhães na CAIXA Cultural São Paulo termina dia 24 de setembro
>>> Vânia Bastos apresenta o premiado "Concerto para Pixinguinha", no Teatro Municipal Teotônio Vilela,
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> Notas de leitura sobre Inácio, de Lúcio Cardoso
>>> O jornalismo cultural na era das mídias sociais
>>> Crítica/Cinema: entrevista com José Geraldo Couto
>>> O Wunderteam
>>> Fake news, passado e futuro
>>> Luz sob ossos e sucata: a poesia de Tarso de Melo
>>> Da varanda, este mundo
>>> Estevão Azevedo e os homens em seus limites
>>> Séries da Inglaterra; e que tal uma xícara de chá?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> É de fibra
>>> O indomável Don Giovanni
>>> Caracóis filosóficos
>>> O mito dos 42 km
>>> Setembro Paulista
>>> Apocalipse agora
>>> João, o Maestro (o filme)
>>> Metropolis e a cidade
>>> PETITE FLEUR
>>> O fantasma de Nietzsche
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Pascal e a condição humana
>>> Alberto Caeiro, o tal Guardador de Rebanhos
>>> O gato diz adeus
>>> Ascese, uma instalação do artista Eduardo Faria
>>> Rousseau e a Retórica Moderna
>>> Sartre e a idade da razão
>>> Encontros (e desencontros) com Daniel Piza
>>> Para você estar passando adiante
>>> Para você estar passando adiante
>>> Melhores Blogs
Mais Recentes
>>> Perspectivas da Cultura Brasileira - Miguel Reale
>>> Cenas de um casamento sueco - Ingmar Bergman (Cinema)
>>> Movimento Brasileiro: Contribuição ao estudo do Modernismo - Maria Eugênia da Gama Alves Boaventura (Arte e Ciências Humanas)
>>> André Malraux: Três aspectos e uma síntese (A aventura, a política, a arte) Frederico dos Reys Coutinho (Literatura Francesa)
>>> A música na Revolução Francesa - Enio Squeff
>>> A Invasão Cultural Norte-Americana - Júlia Falivene Alves (Cultura)
>>> Arte-Educação no Brasil - Ana Mae T. B. Barbosa
>>> Informação. Linguagem.Comunicação. - Decio Pignatari (Comunicação)
>>> Mito e Realidade - Mircea Eliade (Filosofia)
>>> A Holanda no tempo de Rembrandt - Paul Zumthor (Artes Plásticas)
>>> Portinari: Exposição de sua obra de 1920 até 1948 (Artes Plásticas)
>>> O Surrealismo - Yvon Duplessis (Arte/Estética)
>>> Museu Lasar Segall - 50 obras do acervo (Artes Plásticas)
>>> Arte & Deformação - Como entender a estética moderna - Assis Brasil
>>> El Arte: Formas de la conciencia social - V. Kelle/M. Kovalson (Em Espanhol) (Arte e Política)
>>> A Perspectiva - R. Taton & A. Flocon (Artes Plásticas)
>>> Cultura de Massa e Política de Comunicações - Waldenyr Caldas
>>> Problemas del arte en la revolución - Carlos Ragael Rodríguez (Em Espanhol)
>>> Itinerario estético da la Revolución Cubana - José Antonio Portuondo EM ESPANHOL(Estética)
>>> O Livro Perdido de Enki-Memórias e Profecias de um Deus Extraterrestre
>>> A Igreja
>>> Blecaute - 28ª ed.
>>> O Populismo na Política Brasileira
>>> Livro de Colorir Reino Animal
>>> Nas Trilhas da Crítica - Coleção: Críticas Poéticas
>>> Fé em Busca de Compreensão
>>> Carta aos Romanos
>>> Enciclopédia da Vida Selvagem - Animais da Selva III
>>> Mary Poppins
>>> Antologia Da Literatura Fantástica
>>> Saco de Ossos - 2 volumes
>>> Olhe Para Mim
>>> Guia Prático Enem - Matemática E Suas Tecnologias
>>> A Sombra Materna
>>> Histórias Da Vida Inteira
>>> Honoráveis Bandidos - Um Retrato Do Brasil Na Era Sarney
>>> Eternidade Mortal
>>> Ambientes Da Democracia Ambiental
>>> Trinta Anos Esta Noite - O que Vi e Vivi
>>> Pimenta Do Reino Em Pó
>>> Machu Picchu
>>> Cidade Escola - Série Jovens Utopias Livro 3
>>> Dr. Clorofila Contra Rei Poluidor
>>> Trio Enganatempo - Sua Mãe Era Uma Neanderthal
>>> Através Do Espelho
>>> Watchman nee ( O Poder latente da alma )
>>> Oh! Dúvida Cruel 2
>>> Felicidade Em Um Mundo Material
>>> Coleção Enem & Vestivulares Volume 7 - Física
>>> Para Homens Na Crise Dos 40
BLOGS

Domingo, 3/9/2017
Blog Feitosa dos Santos - Prosas & Poemas
Antonio Feitosa dos Santos

 
Lições da vida

Em nossos andares, na linha do tempo, muitas pessoas passam em nossa vida, que de um modo ou de outro deixam lembranças inexprimível em vocábulo, qualquer que seja, uma vez que o sentimento não se traduz em palavras.

Um sentimento pode ser agradável ou muito desagradável. Ele é uma reação plantada em nós, por ações de convivência, por menor que seja, entre pessoas. O simples ato de um encontro casual é conviver com outrem, num dado instante.

Esse sentimento aparece nas suas múltiplas faces: amor, ódio, tristeza, prazer, felicidade, raiva, desprezo, entre tantos outros ao alcance das mãos humanas.

Parece-me que esse ato de sentir e o prolongado resultado dele, é exclusividade da pessoa humana. Guardar mágoas passadas ou demonstrar euforia por momentos vividos é comum entre os indivíduos tidos como sapiens.

Podemos extrair bons resultados dessas lembranças. Quando boas, exprimimos contextos que nos dão condições de repassá-los a frente, como ensinamento as boas práticas. Quando maus, podemos tratá-los como barreiras de anteparos a novos erros, nossos ou de outros.

Das nossas lembranças dessas pessoas, podemos tirar lições que mereçam ser lidas e aplicadas. Quando não der para aproveitar nada, simples assim, viramos a página do livro do tempo e prosseguimos o nosso caminhar pela estrada da vida.

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
3/9/2017 às 17h45

 
Síndrome da desesperança

Manhãs de tempo espesso,
A passos lentos,
Pensamento sorrateiro,
Caminha o homem,
Sem fio ou pavio,
Em busca da luz,
Aquela do fim do túnel.

Em mãos espúrias,
O eixo da razão,
Da injusta justiça,
Do homem ladrão,
Daquele que se esconde
Sob o negro manto,
Deixa a sombra, o espanto,
Na massa anticorrupção.

Dessa, segue o trôpego homem,
Sem destino ou apego,
Sem luz, sobre o manto negro,
Da incerteza do amanhã.
Tão somente hora vã,
Desse caminhar lento,
Num tempo de antemanhã.

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
19/8/2017 às 23h50

 
De pai para filho - Oração

Oh! Deus de bondade ouve a minha oração:
Cuida desse meu filho, a caminhar avante,
Zela por sua capacidade de discernimento,
Conceda sempre a leveza de suas mãos.
Dessas mãos que amenizam as dores e
Salvam vidas postas em ação.
Do enfermo homem ao homem são.
Dessas outras mãos, que despertam a alma,
Ao dedilhar as cordas do clássico violão.
Desse olhar de quem quer enxergar o outro,
Na fé e generosidade sem ocasião.
Na palavra que leva o conhecimento
Ao seu semelhante, irmão.
Do aprender ao ensinar competentemente,
Cuida dele e de sua retidão.
Envolva-o sob o manto da divina graça,
Proteja-o dos males dos homens e do mundo,
Conceda-o amor mais que fecundo,
Na infinita misericórdia tua.
E a mim pai, não desampare,
Ao rogar humildemente pelo filho que amo,
Derramai sobre ele, em todos os momentos da vida,
A plenitude do amor, da verdade e da fé.
Graças te dou Senhor, por tua imensa generosidade.
Amém.

Aos filhos: Rafael,
Renato

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
13/8/2017 às 09h09

 
Cada um é o que é

Não sou, se não quero ser,
Não vou, se não quero ir,
Quando vou é porque quero,
Quando não quero, sei fugir,
A vida é para ser vivida,
Na dúvida a boca fica calada,
Só ouço, se quero ouvir,
Discutir, não me leva a nada.

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
10/8/2017 às 17h49

 
Satirizando o inverso

Já olhou com o olhar de quem vê?
Esta pergunta é complicada por demais.
Não amigo, mostra apenas o que você não enxerga,
Mostra quão míope somos, humanos iguais.

Alcançar a verdade das coisas terrenas,
Não é tão fácil a quem não consegue ver,
Além daquilo que se permite a própria visão,
Estorvo se faz. Os nozes são amarras seguras,
A quem não consegue estender a própria mão.

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
2/8/2017 às 15h23

 
Pensamento para agosto

Na vida há caminhos para todos. Tome a sua direção e siga. Quando não puder ajudar, não atrapalhar será ótima contribuição.

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
2/8/2017 às 15h09

 
Adentrando o mundo humano - Pensamento

Quando não aprendemos a controlar e conviver bem com os nossos impulsos defeituosos, torna-se mais difícil a convivência com o outro, caso não consigamos enxergar, também nele, os impulsos defeituosos, conflitantes e divergentes. No campo psíquico, ninguém está imune a imperfeição.

Feitosa dos Santos

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
22/7/2017 às 09h52

 
O pão nosso de cada dia

As nuvens despejam água,
Sobre a terra preparada,
O homem finca a semente
Do trigo, em sua jornada,
Germina em poucos dias,
Reveste a terra a folhagem
Em cachos suas sementes,
Amadurecem ao tempo,
Segundo sua linhagem,
Tiramos delas a farinha,
Pra nossa alimentação,
Da terra, água, sol e ar,
Um ato a se contemplar,
Faz-se assim nosso pão.


[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
20/7/2017 às 10h55

 
Avesso da Carne

Agradeço ao Criador da vida,
Na penumbra de um sol poente,
Sob o esmaecer da cor d’ouro,
Capto a luz que me traz a mente.

Ave Maria, são seis em ponto,
Sopra o vento, um bafejar frio,
No silencio que acalma a m’alma,
No fundo do corpo um arrepio.

À noite carrega consigo o medo,
Enquanto tento esconder o meu,
O ranger do mocho que baixo voa,
Por certo, instiga também o teu.

Ave Maria, senhora mãe do mundo,
Afastai o medo que povoa a terra,
No silêncio das nossas orações,
A fé e a coragem em Ti, encerra.

Rio, 0107/2017

[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
1/7/2017 às 19h10

 
A menina e as crisálidas

Eu não sei se consegui dormir. A imagem era nítida e real. No pátio do colégio havia muitas e pequenas jardineiras, nessas haviam flores diversas, mas as roseiras destacavam-se, não por seus espinhos, mas pela beleza de suas rosas.

No final de um cumprido corredor, havia uma goiabeira, onde em tempo de frutos os sanhaços, os sabiás e outros pássaros faziam uma algazarra.

Nos pequenos jardins e nos frutos caídos ao chão, borboletas nutriam-se, e voavam, colorindo aquele espaço, como que num conto de fadas, quando povoa a mente de uma criança.

No intenso clarão daquela manhã, eu ia e vinha de um canto a outro do pátio, observava os voos das crisálidas, que como eu, mudava de um lugar ao outro, como se a beleza de cada flor, despertasse um interesse diferenciado da outra, tornando-a irresistível aos olhos das multicoloridas lepidópteros diurnos.

Embaixo da goiabeira, uma linda menina observava o vai e vem das borboletas. Elas não cessavam de voar, mal pousavam e já estavam no ar novamente. Parei e olhei na sua direção. Ela era encantadora, cabelos longos, corpo alongado e esguio. Ele permanecera estática contemplando as criaturas do grande mestre divino. Era ela a beleza entre as belezas ali postadas.

Por que eu estava ali? Não carregava livros nem vestia a roupa usada para o colégio. Não entrava no prédio e tão pouco na sala de aula. Onde estariam os outros alunos? O que viera fazer a menina? Comtemplar as crisálidas? Atônito interrogava-me e por um instante parado contemplava.

Como num passo de mágica, ela gira a sua mão direita aos quatro cantos do pátio do colégio e aponta para o firmamento. As borboletas obedecem-na agitam bem mais as suas azas e parte enfileiradas rumo ao infinito. A menina cria aza e voa na mesma direção esvoaçando as belas madeixas soltas aos ventos.

Parado estava e parado fiquei. Só o perfume exalado das rosas envolvia o meu corpo e me fazia sonhar com a deusa que voara.

Será que ela me viu? O que poderia ter pensado se me visse? Sei lá, nem sei se me percebeu! Mas as borboletas sim, essas me viram e giraram por vezes ao meu redor.

Ah! São quase oito horas e tenho que trabalhar. Esbocei um sorriso fosco, espreguicei-me, estirei as pernas e me levantei. Mais um dia de trabalho e estudos me esperavam. A imagem daquele pátio acompanhou-me no trabalho e por certo na sala de aula, por longas horas da noite até que o sono viesse me fazendo dormir para os próximos sonhos.

Rio, 12/01/2013


[Comente este Post]

Postado por Antonio Feitosa dos Santos
1/7/2017 às 15h03

Mais Posts >>>

Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




SÃO PAULO E O MISTÉRIO DE CRISTO-MESTRES ESPIRITUAIS
CLAUDE TRESMONTANT
AGIR
(1964)
R$ 13,80



VIVENDO, AMANDO E APRENDENDO/PARA COMPREENDER MELHOR A VIDA E O AMOR
LEO BUSCAGLIA
NOVA ERA
(2007)
R$ 4,50



DIÁLOGOS COM O ANJO
GITTA MALLASZ
VOZES
(2011)
R$ 21,30



GRAVITAÇÃO E COSMOLOGIA - UMA INTRODUÇÃO
CARLOS BLANCO DE MORAES
LIVRARIA DA FÍSICA
(2009)
R$ 25,00



A VITIMA
SAUL BELLOW
BLOCH
(1966)
R$ 40,00
+ frete grátis



NOVA MITOLOGIA CLÁSSICA. A LEGENDA DOURADA. HISTÓRIA DOS DEUSES E HERÓIS DA ANTIGUIDADE
MÁRIO MEUNIER
IBRASA
(1991)
R$ 20,00



ROSAFLOR & A MOURA TORTA - PEDRO BANDEIRA (LITERATURA INFANTO-JUVENIL)
PEDRO BANDEIRA
MODERNA
(1993)
R$ 5,00



OS BRUZUNDANGAS
LIMA BARRETO
CEDIC
(2010)
R$ 6,00



SHERLOCK HOLMES: O ÚLTIMO ADEUS DE SHERLOCK HOLMES
ARTHUR CONAN DOYLE
MELHORAMENTOS
(2000)
R$ 9,90



GLÓRIA MORTAL E NUDEZ MORTAL
NORA ROBERTS
BEST BOLSO
(2010)
R$ 5,00




>>> Abrindo a Lata por Helena Seger
>>> Blog belohorizontina
>>> Blog da Mirian
>>> Blog da Monipin
>>> Blog de Aden Leonardo Camargos
>>> Blog de Alex Caldas
>>> Blog de Ana Lucia Vasconcelos
>>> Blog de Anchieta Rocha
>>> Blog de ANDRÉ LUIZ ALVEZ
>>> Blog de Angélica Amâncio
>>> Blog de Antonio Carlos de A. Bueno
>>> Blog de Arislane Straioto
>>> Blog de CaKo Machini
>>> Blog de Camila Oliveira Santos
>>> Blog de Carla Lopes
>>> Blog de Carlos Armando Benedusi Luca
>>> Blog de Cassionei Niches Petry
>>> Blog de Cind Mendes Canuto da Silva
>>> Blog de Cláudia Aparecida Franco de Oliveira
>>> Blog de Claudio Spiguel
>>> Blog de Dinah dos Santos Monteiro
>>> Blog de Eduardo Pereira
>>> Blog de Ely Lopes Fernandes
>>> Blog de Enderson Oliveira
>>> Blog de Expedito Aníbal de Castro
>>> Blog de Fabiano Leal
>>> Blog de Fernanda Barbosa
>>> Blog de Geraldo Generoso
>>> Blog de Gilberto Antunes Godoi
>>> Blog de Haelmo Coelho de Almeida
>>> Blog de Hector Angelo - Arte Virtual
>>> Blog de Humberto Alitto
>>> Blog de Isaac Rincaweski
>>> Blog de João Luiz Peçanha Couto
>>> Blog de JOÃO MONTEIRO NETO
>>> Blog de João Werner
>>> Blog de Joaquim Pontes Brito
>>> Blog de José Carlos Camargo
>>> Blog de José Carlos Moutinho
>>> Blog de Kamilla Correa Barcelos
>>> Blog de Lourival Holanda
>>> Blog de Lúcia Maria Ribeiro Alves
>>> Blog de Luís Fernando Amâncio
>>> Blog de Marcio Acselrad
>>> Blog de Marco Garcia
>>> Blog de Maria da Graça Almeida
>>> Blog de Nathalie Bernardo da Câmara
>>> Blog de onivaldo carlos de paiva
>>> Blog de Paulo de Tarso Cheida Sans
>>> Blog de Raimundo Santos de Castro
>>> Blog de Renato Alessandro dos Santos
>>> Blog de Rita de Cássia Oliveira
>>> Blog de Rodolfo Felipe Neder
>>> Blog de Sonia Regina Rocha Rodrigues
>>> Blog de Sophia Parente
>>> Blog de suzana lucia andres caram
>>> Blog de TAIS KERCHE
>>> Blog de Thereza Simoes
>>> Blog de Valdeck Almeida de Jesus
>>> Blog de Vera Carvalho Assumpção
>>> Blog de vera schettino
>>> Blog de Vinícius Ferreira de Oliveira
>>> Blog de Vininha F. Carvalho
>>> Blog de Wilson Giglio
>>> Blog do Carvalhal
>>> Blog Feitosa dos Santos - Prosas & Poemas
>>> Blog Ophicina de Arte & Prosa
>>> Cinema Independente na Estrada
>>> Consultório Poético
>>> Contubérnio Ideocrático, o Blog de Raul Almeida
>>> Cultura Transversal em Tempo de Mutação, blog de Edvaldo Pereira Lima
>>> Escrita & Escritos
>>> Eugênio Christi Celebrante de Casamentos
>>> Ezequiel Sena, BLOG
>>> Flávio Sanso
>>> Fotografia e afins por Everton Onofre
>>> Impressões Digitais
>>> Me avise quando for a hora...
>>> Metáforas do Zé
>>> O Blog do Pait
>>> O Equilibrista
>>> Relivaldo Pinho
>>> Sobre as Artes, por Mauro Henrique
>>> Voz de Leigo

busca | avançada
36458 visitas/dia
993 mil/mês